Com envolvimento e disposição dos técnicos da UFOB, assembleia e Café & Prosa definem demandas

Uma iniciativa que deu certo. Nesta quinta-feira (07/06), Dia Nacional de Lutas e Paralisações em defesa dos serviços públicos, os Técnico-Administrativos em Educação da Universidade do Oeste da Bahia se reuniram em assembleia e no evento Café & Prosa: dialogando com a UFOB, promovidos pela ASSUFBA.

Os servidores, que participaram ativamente das atividades, discutiram assuntos como capacitação e qualificação, conjuntura nacional e defesa dos serviços públicos, hoje ameaçados pelas medidas do governo neoliberal.

Os técnicos criaram um Grupo de Trabalho para mapeamento dos TAEs da UFOB, elaboração da minuta da resolução sobre capacitação e qualificação para encaminhamento ao CONSUNI e mobilização em defesa da universidade pública, gratuita e com responsabilidade social.

No Campus de Luis Eduardo Magalhães, também houve muita mobilização. A servidora Juliana Ribas ficou responsável pela condução das discussões e o ato de paralisação.

As atividades, tanto em Barreiras quanto em LEM, contaram com a disposição e o envolvimento dos servidores da UFOB. No evento, também foram celebrados os cinco anos da Universidade.

Assembleia

Na assembleia, foi aprovado, por unanimidade, o nome da Coordenadora Geral da ASSUFBA, Simone Coité, como delegada para participar da Plenária da FASUBRA, que acontece nos dias 15 e 16 de junho.

Post a comment